17 junho, 2017

Tudo gente séria. Limpinhos, limpinhos...


O semanário Expresso revela este sábado uma conversa entre Luís Filipe Vieira e Paulo Gonçalves, além de mais emails trocados com o antigo delegado da Liga, Nuno Cabral, com vista a baixar a nota do árbitro Rui Costa.
O jogo em questão é o FC Porto-Benfica de 10 de maio de 2014, último do campeonato 2013/14, em que o Benfica já era campeão e os portistas 3º classificados. Apesar do desafio já não ter efeitos práticos, Nuno Cabral terá enviado um email para o presidente do Benfica e para o assessor jurídico da SAD encarnada com um relatório sobre a prestação de Rui Costa, nomeadamente os erros cometidos pelo árbitro contra o Benfica.
Nuno Cabral não era observador, nem sequer o delegado da Liga desse jogo, refira-se. Segundo o Expresso, Luís Filipe Vieira terá, então, pedido a Paulo Gonçalves para que fizesse o que tinha de fazer para baixar a nota de Rui Costa: "Paulo, devíamos participar deste artista, pois brincou com o Benfica. Temos de dar-lhe cabo da nota".
Meses depois, Nuno Cabral enviou um email a Pedro Guerra, comentador e diretor de conteúdos da Benfica TV, a comunicar que a avaliação de Rui Costa descera de 3,5 para 2,0. "Inicialmente o observador atribuiu-lhe 3,5. Com a nossa reclamação passou para 2,0", terá escrito Nuno Cabral a Pedro Guerra.





3 comentários:

Anónimo disse...

https://www.youtube.com/watch?v=zcUahj3YfG4

Será verdadeiro este video ?

Anónimo disse...

Parece que é muito raro uma alteraçao tao grande da nota.

Toca a visionar o jogo para ver se foi tudo normnal.

E qual o papel do delegado ???!!!

Anónimo disse...

UPBANCADA adiado para Quarta feira (OJOGO)