20 setembro, 2017

Anseio saber no que isto vai dar...

Resultado de imagem para maria josé morgado benfica
Maria José Morgado
não tuge, nem muge

Sei que estou a ser demasiado repetitivo com os temas que escolho para escrever. A política, ou melhor, os políticos fazem parecer a política uma eterna discussão entre peixeiras, e francamente já pouco me motiva. Seja como fôr, é impossível dissociarmos tudo o resto da política, incluindo o futebol. Portanto, mesmo falando de futebol, estou implicitamente a falar de política.

Não é sadismo, não, mas cada vez gosto mais do manto revelador das traficâncias vermelhas do programa Universo Porto da Bancada. É de facto, verdadeiro serviço público de que o Estado português se devia gratificar, mas também vexar. Devia gratificar-se, por ter sido  o FCPorto, através do seu canal e do seu director de Comunicação, fazer o papel de investigador. Papel esse que caberia à Polícia Judiciária, e ao Ministério Público (ao Estado, portanto), e sentir-se vexado, por não ter sido ele (Estado) a investigar a rede Benfica como era seu dever.

Vai ser no entanto muito curioso ver como toda esta gente sairá deste imbróglio indecente sem pôr em causa a credibilidade do regime, e do seu sistema judicial. Há gente demais metida nesta rede malfeitora. Não será por ser o presidente de um clube de futebol o cabecilha e corruptor principal deste gigantesco gang, que os outros protagonistas podem dormir descansados, porque todos eles se deixaram dominar por ele. Uns, terão sido coagidos, mas outros cooperaram nesta trafulhice tremenda com prazer e arrogância, tal era o conforto que sentiam.

No lote imenso de colaboradores, cartilhados (ou não), constam profissionais e empresas de comunicação do Estado e privadas, árbitros, organismos desportivos, jornalistas, agentes da polícia, do Ministério Público, e comentadores. Nenhum destes pode afirmar, sem mentir, que enfrentou o caso agora divulgado, com seriedade e isenção, e no caso dos media, com o dever deontológico a que são obrigados. 

Por esta altura, nenhum se pode queixar, se amanhã forem publicamente acusados de cumplicidade criminosa.

Não sei no que isto vai dar. Sei, que muitos daqueles que viveram anos a eito apregoando a verdade desportiva, e agora mostram o valor real que lhe dão, vão ter de se retratar, perdendo a credibilidade, enquanto profissionais, e enquanto cidadãos. 

Dessa, não se livram.     


5 comentários:

marujo88 disse...

Podemos esperar sentados, eles têm uns tentáculos enormes, e nós não temos força suficiente para os cortar.
Abraço
Manuel da Silva Moutinho

Rui Valente disse...

e vamos continuar a pagar impostos, a votar (eu já não voto há muitos anos), a pagar taxa audiovisual na factura da EDP, a pagar as multas de transito, a obedecer a esta canalhada?

VIVA A CATALUNHA! VIVAM OS CATALÃES! ELES SIM, PODEM SENTIR-SE ORGULHOSOS.

Anónimo disse...

Rui, o rosto dessa Dona é o rosto da justiça de uma balança não aferida, que só tem peso para tudo que não seja vermelho.
Esta gente está cativa de um clube que lhes dá votos, que põe e dispõe no futebol na política e até porque não na justiça. Aguardo qual vai ser a sentença da justiça civil aos Emails, porque na desportiva está-se mesmo haver.

Abílio Costa.

António Ferreira disse...

Mais de 3 meses depois da denuncia ainda não foi ouvido nenhum dos acusados? bem já estava desconfiado das autoridades agora tenho a certeza chegou a hora das claques e outros grupos organizados de adeptos do FCP terem a iniciativa nesta luta, pode ser sobre a forma da elaboração de um manifesto anti- corrupção com objetivos mais amplos do que o futebol e q convide a juntar outros adeptos e outras pessoas q julguem q já basta de corrupção e de crime organizado nas mais diversas areas deste Pais.
Um manifesto a "PORTO" com o objetivo de levar este assunto ao conhecimento da comunidade mundial, por exemplo para começar a por mãos a obra os sócios devem pedir uma AG para levar a votação a obrigação do clube disponibilizar TODA a prova que possui do benficagate a Toda a gente que a ela queira aceder em TODO o mundo e junto com estas provas deve relatar ao publico em geral todas as iniciativas que as autoridades portuguesas tiveram em relação a este assunto, por mim começava já amanhã no jogo pela criação de um grito de guerra, o grito de guerra pode ser este, basta substituir no refrão "paloma" por "corrupto": http://www.youtube.com/watch?v=0uQ4W7afKLU …é um clássico Mexicano q dada a actualidade tb pode ser uma homenagem a esse Pais já q vai sere usado para uma causa nobre!

Rui Valente disse...

António Ferreira,

é uma ideia interessante a sua, sim senhor. Assim queiram os sócios. Tudo é válido para lutar contra este carcinoma social, menos o silêncio.

Amanhã voltarei ao tema. Tem de ser.