04 novembro, 2015

Bem, hoje a bipolaridade deu para o positivo. É a Champions, estúpido!

Tello foi um dos melhores, mas gostei da equipa
Pois é, e o FCPorto voltou a deixar-nos com água na boca. Na Champions, joga um futebol mais dinâmico que na Liga nacional, lateraliza  pouco, tem mais rapidez, e ganha! 

A questão que se levanta é: por quê? Porque é que não consegue encontrar a mesma dinâmica com as equipas da terra? 

Depois não se queixem se continuarmos a falar de bipolaridade. Ando pouco animado com este Porto, mas hoje gostei muito do jogo e do resultado. Continuem por favor, não se cansem de jogar bem... e ganhar.

PS- Cá comigo, é assim. Se gosto, gosto. Se não gosto, não cômo. O estômago é meu. A propósito: continuo a escrever à moda antiga. Têm algo a contestar?

8 comentários:

Anónimo disse...

E que bonitas sao estas camisetas...seguramente o equipamento mais bonito da champions.De fato ate percebo a estrategia nao pode ser qualquer merda a conspurcar o manto sagrado.Tem que pagar o preco justo.Afinal somos a equipa que esta sempre na montra...e que bonitas sao estas camisetas.

Anónimo disse...

se em vez de falar mal apoiasse sempre talvez as coisas corressem melhor!

portistas dos bons momentos não fazem falta.

Rui Valente disse...

Anónimo 07:55:

(estranho nome este)... Tenho a comunicar a V.Exa. que eu apoio quando acho que tenho de apoiar, não sou nenhum mentecapto programado para reagir consoante o convencionado.

Aliás se V: Exa. tivesse capacidade para ler com atenção, reconheceria que quando não apoio, ou critico, explico porquê, não me limito a deitar a baixo...

É por sermos um país de carneirada que estamos como deve saber. É por termos más línguas a dominar a opinião pública, e pouco sentido crítico, que hoje gozam com o FCPorto. E é também sobretudo por não termos uma liderança forte, registe-se.

E depois, é assim: digo o que penso, e tenho nome. V.Exa., nem uma coisa, nem outra.

Anónimo disse...

Sr. Rui Valente estou de acordo na sua resposta ao comentário do anónimo 07.55. Quanto futebol praticado na Europa e em Portugal é ver como joga os nossos adversários, tem o exemplo recente do Braga, daí a diferença. E também porque os adeptos do Porto são muito dado a apreciar tudo que dizem mal do F.C. Porto e serem influenciados, se o Porto ganha na imprensa (toda sem excepção) "ganhou mas não convence", o Sporting ganhou ao Estoril os títulos é "Á frente isolados" este o exemplo por ser o mais recente -muitos mais haveria-. Acho que o Lopetegui apesar de eu não apreciar certas coisas vai fazer escola aqui em Portugal... veja como o Jasus já fala da rotatividade, e aí ninguém critica. A época transacta fartaram-se de atacar o Lopetegui, certo é que não fosse a roubalheira teria sido campeão. Haja paciência.
Mais um que escreve á moda antiga.. e digo mais, se copio algum texto que me interessa para mais tarde comparar, tenho a paciência de emendar tudo que seja palavras do novo acordo ortográfico para o antigo.
Cumprimentos
A. Martins

Rui Valente disse...

A. Martins,

quem me conhece e priva comigo, sabe perfeitamente que apoio sempre o clube e os treinadores. O Lopetegui não foge à regra. Gosto da sua personalidade, da forma curta e dura como responde à comunicação anti-social [é assim que vou passar a citá-la (CAS e não CS)], mas acho que para consumo interno, para jogar com "autocarros" à frente como cá jogam a maioria das equipas parece não conseguir aplicar com grande sucesso os seus métodos de jogo. Mas o meu apoio não é acéfalo e exclusivamente emocional. Isto não significa que goste menos do meu clube, pelo contrário quero o melhor para o FCPorto. Tenho a certeza que já o defendi mais e ao próprio Presidente que algumas almas hiper-sensíveis que se melindram com a crítica e são incapazes de levantar um dedo para o ajudar quando ele precisa.

Anónimo disse...

É tudo muito bonito quando acaba bem, mas quando acaba menos bem... Não gosto dos Paz de Alma, desses, estão os cemitérios cheios. Há tanta coisa mal, que se nós todos assobiasse-mos para o lado já nem havia adjectivos para qualificar a desgraça.

A época passada mesmo com o andor e serem levados ao colinho, os vermelhos só foram campeões porque o nosso treinador e toda a equipa não foram competentes.
Eu tenho um lugar anual, e só lá vou dar o meu apoio para ver o FCP ganhar, não vou lá para nenhuma oração ao Senhor.

Ontem ganhamos em Israel porque somos melhores, foi uma vitoria indiscutível, estamos a um ponto de passarmos aos oitavos, por cá no próximo domingo lá estarei apoiar para ganharmos, que é só isso que me interessa.

Abílio Costa.

Anónimo disse...

Abílio Costa é verdade que por vezes não houve competência quer do treinador quer da equipa.. mas se houvesse o colinho tinha continuado, estava escrito nas estrelas ou tem dúvidas disso? Volto a insistir.. que jogou o Braga? Foi o mesmo Braga que jogou contra o Marselha? Que significa isto... senão MEDO, o Porto mete muito MEDO.. aonde anda o Tozè que fez o seu melhor jogo contra o Porto.. Serve de exemplo, para demonstrar o que eu afirmo?.
Cumprimentos
A.Martins

Anónimo disse...

Eu continuo com a mesma opinião, é que contra o Braga mesmo com a camioneta enfrente à baliza o FCP tinha obrigação de fazer mais e melhor sem ter tanta perda de tempo com o passo de lado para lado. Também, se nos recordarmos neste mesma época na Madeira e em Moreira de Cónegos os pontos perdidos com o mesmo filme da época passada. Por mais que me custe pelo menos a nível Nacional, o sr Lopetegui ainda não me inspira aquela confiança que todos nós gostava-mos.
Pode criticar sempre que quiser.
Um abraço.

Abílio Costa