29 junho, 2016

Romanização


Resultado de imagem para Romanização


Capítulo II

Romanização
A Galécia (em latim Gallæcia) foi uma província romanana extremidade norte-ocidental da Península Ibérica, que corresponde ao território onde se encontra a cultura Celta na actual Galiza e norte de Portugal. A cidade mais importante e capital histórica era Bracara Augusta, a actual cidade de Braga. Fazia parte da Hispânia Tarraconense, e tinha divisa ao sul com a Lusitânia.
A Galécia nasceu política e administrativamente com a invasão romana, embora ao nível cultural já existisse uma unidade regional, liderada por Décimo Júnio Bruto, desde a Lusitânia em território dos "populi castrorum" (as gentes dos castros) ou gallæci (latinização do etnónimo grego "kallaikói"), nome por que eram conhecidas essas tribos do noroeste da Península Ibérica na antiguidade clássica.

Os gallæci/kallaikoi (castrejos) estavam distribuídos em três tribos principais à que corresponde a etimologia celta (latinizada nos documentos clássicos):
os artabri, (Galiza); os grovi, (norte de Portugal); os asturi, (Astúrias). 
Já aparecem documentados os galaicos nas guerras deLusitânia, trabalhando como mercenários de guerra para o líder tribal lusitano Viriato, contra o Império Romano.
D.I. Brutus, depois de conquistar a Gallæcia, rebaptizar-se-á a si mesmo como Décimus Iúnius Brutus Callæcus (o Galego).
Dividia-se administrativamente em três "conventus":
Convento asturiense, capital Asturica Augusta; Convento lucense, capital Lucus Augusti; Convento bracarense, capital Bracara Augusta;

4 comentários:

Anónimo disse...

Boa tarde
Onde encontro o texto em Inglês?
Obrigado

Rui Valente disse...

Eu li-a em tempos na Wikipedia, mas já não lhe sei dizer em que termos. Terá de ter a paciência de pesquisar. Se descobrir a versão, informo-o.

Anónimo disse...

É o mesmo texto de ontem :-( Ass. Ricardo Gomes

Rui Valente disse...

Caro Ricardo,

obrigado pela observação! Uma noite mal dormida e outros afazeres fazem estas gracinhas.

Obrigado!