22 março, 2018

O que é verdade hoje, é aldrabice amanhã. O PR segue o refrão do futebol

Sigamos sempre no caminho certo, continuemos certinhos, meninos bonitos, cidadãos bem comportados, operários eleitorais, amiguinhos dos políticos. Mas tenhamos a coerência de nunca mais nos queixarmos. Seja no futebol, ou na política. Cada povo tem os governantes que merece. Parece que é verdade, mas pela minha parte sinto-me defraudado.

Quando o senhor Presidente optou por se aproximar do povo, apoiei a decisão.  Transmitia sinais de humanismo que Cavaco Silva nunca foi capaz de mostrar. Seguiram-se os beijinhos, o que, não me perturbando inicialmente, mais tarde pareceu-me arriscado  pelo excesso, podendo vir a prejudicá-lo quando tivesse de se confrontar com acontecimentos dramáticos, como foram os incêndios. É certo que o escândalo do Benfica é um caso diferente no género, mas igual na amplitude e na gravidade. O Benfica está sob  investigação policial, suspeito de corrupção. Não é brincadeira nenhuma. Mas desta feita, o senhor Presidente colou-se ao regime, vulgarizou-se. 

Agora, está a faltar-lhe a coragem para desempenhar o lado mais difícil de um verdadeiro Chefe de Estado, que é saber lidar com isenção com casos desta natureza. Não há beijos, porque não é oportuno, mas agora, também não há pedalada nem respeito para agarrar o touro pelos cornos e exercer a tal magistratura de influência...

Depois, assistimos a este espectáculo de contradições. Ontem, eramos o melhor país do Mundo, hoje já está preocupado com a pobreza!!! Muito elevado, não há dúvida. Que concidência! Será que Sua Exa.o Sr.Presidente da Repúplica lê o Renovar o Porto?
  

1 comentário:

Anónimo disse...

O MEDO.
Este senhores Governantes falam em todas as desgraças e flagelos que abalam este País, apelam, dão tudo e mais alguma coisa, mas, covardamente escondem-se, esquecem-se, de falar na desgraça na corrupção que um Clube todo Poderoso que lhe dão de nome Polvo Vermelho, Nacional Benfiquismo, O Querido, que tão Mal tem feito no desporto Português mais propriamente no futebol, dando má imagem alem fronteiras. A todo este silêncio Governamental, só entendemos que possa ser de: Medo, Cumplicidade ou pura Ignorância.

Abílio Costa.