23 maio, 2011

[Futebol Clube do] Porto: clube gigante para Câmara anã


Bem estaria o Porto se a visibilidade que os êxitos internacionais do FCPorto tem obtido para a cidade, desde que Pinto da Costa é Presidente, fosse secundada pelo dinamismo empreendedor do actual Presidente da Câmara. Era bom sinal. Mas, infelizmente, não é isso que acontece, bem pelo contrário. A cidade resiste e cresce, apesar da inoperância camarária, do desleixo urbano, beneficiando [que sortuda!] dos esforços de alguma iniciativa privada, e de uma conjuntura específica, resultante das companhias aéreas low cost, do funcional Aeroporto de Pedras Rubras e do Metro do Porto. Importa referir, que Rui Rio nada teve, ou tem, a ver, com estes factores de dinamismo, pólos de atracção turística local. A Porto Capital Europeia da Cultura de 2001, com a Casa da Música em 1º plano, fizeram o resto.

Quer se goste ou não, é o FCPorto, com a liderança de Jorge Nuno Pinto da Costa, que tem estado sob os holofotes do Mundo, merecendo os mais rasgados elogios dos clubes mais poderosos da Europa e da imprensa internacional... Da Câmara, do seu Presidente, ninguém fala, a não ser por maus motivos. Nem mesmo as campanhas difamatórias, movidas pelos clubes rivais centralistas, acolitados por uma classe política medíocre e oportunista, que a elas se colou, conseguiram destruir a brilhante carreira do FCPorto dos últimos 30 anos.

Rui Rio, tem-se esforçado por convencer os portuenses que é o mais honesto Presidente da Câmara, de todos os que lhe antecederam. Apesar de, aparentemente, ter beneficiado desses créditos durante 3 mandatos, a verdade é que, a gestão de rigor que tanto lhe serviu de bandeira política, começa a ser posta em causa pelos próprios factos. Senão vejamos: comparativamente com o autarca de Gaia, o Porto tem um passivo de 358 milhões de euros, para 244 milhões da cidade da margem esquerda do Douro. Enquanto Gaia dispendeu com pessoal 32 milhões de euros (29,8% do total da despesa), o Porto gastou 61milhões (quase o dobro!)! Considerando que, actualmente, Gaia tem quase mais cem mil habitantes que o Porto [316.000 contra 211.000], e do notável desenvolvimento que Gaia sofreu desde que Luís Filipe Menezes governa a Câmara, ainda estou por saber aonde está o rigor do Rui, e o badalado despesismo do Luís!

Como se estes dados não bastassem, Rui Rio, escolheu a noite de ontem, poucos dias depois das grandes victórias desportivas do FCPorto no Campeonato Nacional e na Liga Europa, e poucas horas após a conquista da Taça de Portugal, para dar uma entrevista na TVI24 a Manuel Luís Goucha, onde, como era previsível foi confrontado com a sua fria relação com o FCPorto! É claro que, Rui Rio tem cada vez mais dificuldade em fingir que a equidistância que obstinadamente mantém com o povo do futebol, nada tem a ver com o desprezo, ou com a frivolidade que lhe corre nas veias. Sobretudo, depois de se disponibilizar para determinado tipo de audiências, como é o da TVi, centralista e anti-portuense... Quem diz anti-portuense, diz anti-portista, é rigorosamente a mesma coisa, em termos objectivos. E ele, Rui Rio, sabe-o, apesar de ter conquistado a Câmara por via do "efeito difusor" do abandonar/virar as costas aos tripeiros, chamado Fernando Gomes!  

Mesmo assim, continuo sem perceber o que o fez ganhar 3 vezes a Câmara! Num aspecto sinto alguma afinidade com Rui Rio, e não está  relacionada com o primeiro nome. É que, enquanto Rio fecha as portas da Câmara ao FCPorto aos seus milhões de simpatizantes, por uma suposta obediência à boa  sanidade entre instituições [a tal promiscuidade], eu também sempre lhe neguei o meu voto. Sempre! Orgulhosamente, quase tão orgulhosamente, como com a melhor e mais nobre instituição da cidade: o FCPorto.

6 comentários:

Jota Apal disse...

Quando um homem é pouco inteligente e vaidoso só pode dar nisto.

zangado disse...

Infelizmente a nossa cidade do Porto está bastante mal. Fala-se muito em reabilitação urbana mas o pouco que se vê é só na parte histórica e, mesmo aí, teria muito a dizer. Alguma iniciativa privada vai fazendo algo, mas a maioria dos senhorios está descapitalizada para fazer obras, com rendas de 3,5,18,19,21 euros ou pouco mais que não chegam para o IMI actualizado ou para uma pequena obra. Apoios camarários só o Recria, muito burocrático e que deixa de fora a maioria dessas casas de rendas baixas. Conclusão: os casais novos ou quem pode vão morar para Gondomar,Gaia,...ficando o Porto uma cidade de idosos e de bairros camarários, com excepção das zonas abastadas da Foz e Boavista onde prédios antigos são deitados abaixo para construir empreendimentos luxuosos (ex. Rua da Cerca). A segurança diminui, até querem acabar com as camaras de vigilância na Ribeira e, em grande parte da cidade, que se vê à noite?
Desapareceu há muitos anos a Feira Popular (que era no Palácio e foi posta no extremo da cidade num local ermo)e as pessoas deixaram de poder usufruir desse local, tão agradável no Verão. Parque da cidade é na ponta ocidental, junto a Matosinhos, já que o parque oriental tão prometido ficou pequeno e com uma auto-estrada pelo meio. O parque de S. Roque, que Fernando Gomes devia ter alargado para os dois lados, ficou pior, com um grande bairro camarário a estragar a paisagem e com certos moradores a vandalizar a zona. Dos museus que havia uns desapareceram, outros vão indo, mais ou menos na mesma, e só se fala em Serralves, que é manifestamente pouco. Os transportes públicos sofreram grandes mudanças, acabando linhas, mudando outras, muitos utentes não se entendem com as alterações, pois até o metro passou a demorar o dobro ou mais no intervalo entre as composições (ex. linha amarela)e zonas importantes da cidade ficaram de fora. Serve para os movimentos pendulares das cidades vizinhas e pouco mais.Cultura só a "pimba" que dá votos a Rui Rio, tal como as obras nos bairros camarários.
Quem tem votado em Rui Rio? A maioria dos votantes do PSD e do CDS, muitos dos bairros iludidos pela sua máquina de propaganda, os anti-portistas e até portistas que não conseguem entender a sua demagogia e falsa imagem de "seriedade" e até alguns do PS (como eu conheço um que passou para o lado dele por ter resolvido as obras em Carlos Alberto). As candidaturas do PS do Porto também ajudaram, com Fernando Gomes, Francisco Assis e só depois Elisa Ferreira, ausente anos em Bruxelas e com falta de apoio no PS.
Vê-se muito mais turistas, devido às low costs, fala-se em hotéis também low cost, mas esse indivíduo continua a ignorar aquela que é, na actualidade,a maior marca da cidade (além do vinho "do Porto"), fechando a cãmara e ofendendo os sentimentos de muitos milhares de portuenses moradores nesta cidade ou que migraram para as cidades vizinhas.
Quanto a votos só sei qual foi o meu, que, como o seu, nunca lhe foi dado. Conheço várias pessoas que dizem que não gostam dele, ainda sábado ouvi uma, mas conheço outros que dizem que ele é sério e pronto, isso parece que lhes chega!
Parafraseando o autor clássico Cícero: Até quando, Rui Rio, abusarás da nossa paciência?

navegante disse...

não é só a "câmara" que é anã.
Pelo tipo de apoios que o "senhor" tem, logo se vê da "justeza" das suas posições.
O que lhe vale são os gouchas...

Anónimo disse...

Este sr Rui Rio, foi dos piores presidentes que passou pela Câmara do Porto. Em 12 anos que vai fazer de mandato, não fez nada, foi um zero à esquerda.

Quanto à honestidade deste senhor! o seu ex/vereador Paulo Morais, já tinha dito ao "Porto Canal" que ele é igual aos outros.
É um enganador

É um presidente arrogante, complicado, ignorante, anda sempre zangado com todos os autarcas do Grande Porto, é um isolado, sem ideias para a cidade, não tem voz, ninguém lhe dá atenção, não gosta da cidade do Porto nem do FCPorto... enfim já passa ser uma Melga irritante para todos nós.

Como diz o povo: "Merda desta está o mundo cheio".

O PORTO É GRANDE VIVA O PORTO.

dragao vila pouca disse...

Ena pá, Rui, isto não se faz! Então você desmonta a única coisa em que dizem que o homem é bom, as contas?

O F.C.Porto todos os dias faz história, do rio não rezará a história. Porque não assume e vota contra as propostas de congratulações ao clube, como aconteceu hoje?

Abraço

Zé da Póvoa disse...

Com o devido respeito não me parece muito feliz fazer comparações entre 2 das câmaras mais endividadas do país. É que se uma está mal, a outra está pior.
Rio tem fama de ser muito sério e um bom contabilista, mas a verdade é que, apesar de não ter obra para apresentar também não consegue reduzir dívida. Em Gaia, Meneses é um chico-esperto que fez diluir as dívidas por mais de 10 empresas municipais, aproveitando para colocar familiares e amigos. Só que, quando tiver que consolidar contas - e a troika está atenta a isso - vai ser o descalabro.