14 junho, 2017

Nada de maldades, o que é preciso é saber ler com lentes vermelhas



          
            EXCERTOS DOS EMAILS TROCADOS:

                1                    2                     3                     4                    5



Tradução correcta do email 1:

Amizade cristã desinteressada entre amigos do peito com alguns problemas de sono.


Tradução correcta do email 2:
Conselhos e carencias de cozinheiro especializado em churrascos e assadores com expectativas de reciprocidade.


Tradução correcta do email 3:
Fidelidade canina e exemplar de um homem por outros homens [misteriosos...]
O carinho efeminado, é a imagem de marca de qualquer Cabral que se preze.

Tradução correcta do email 4:
Simples troca de dados para noviços candidatos ao sacerdócio. Onde se lê árbitros deve-se ler padres.

Foi pura confusão. Acontece a todos.


Tradução correcta do email 5:
Avaliação inocente e assexuada de um homem a outro homem. Houve um lapsus linguae no português: em vez de Chaves clube, o autor das palavras quis dizer chaves de fechadura, jogo de chaves para moldar, não para treinar.

Quem nunca se enganou que atire a primeira pedra.


  

2 comentários:

Soren disse...

E ainda falta aí o do rapazinho que "só quer ser um bom menino" para o patrão e para o doutor.

Meu Deus tanta Portugalidade nesta frase.

Que país caro Rui. Que nojeira vermelha.

Rui Valente disse...

Caro Soren,

Não falta não, é a anedota nº.3:

"quero apenas ser menino querido para vocês".

Desconfio que ainda o vão condecorar.

É isto Soren, é este o país que construiram com o avento da democracia.

Uma nojeira mesmo. Veremos no que isto vai dar.