11 fevereiro, 2009

Trio de Ataque, um programa falido

Se já viram, esqueçam. Se ainda não viram, vejam, porque é de ficar vermelho de vergonha (da côr do clube), com a argumentação deste cineasta/actor, que devia ficar com a boca selada para sempre, cada vez que pronuncia a palavra rigor. Nem com as imagens na frente dos olhos é capaz de admitir que se enganou. Está bem, que aquilo ali, é cada um por si, mas ele inventa! É repugnante, o homem!

Sem comentários: