09 agosto, 2010

e por falar em Justiça, que dizer da desportiva?

Senhor PGR, nós não lhe pedimos que se dê à maçada de nomear uma equipa especial para investigar a corrupção no futebol [como fez com o Apito Dourado], porque ela até está aí em Lisboa, muito próximo do seu gabinete de trabalho ou mesmo da sua residência.

O que lhe pedimos apenas, é que nos faça o favor de passar os olhos por este vídeo com alguma atenção e nos diga de que lado é que anda a violência com sinais claros de corrupção desportiva.

Nós temos a fama, e os outros o proveito, não lhe parece? Ora veja bem.

5 comentários:

R.M.Silva da Costa disse...

Barbárie impune!
Que moral fica para, no futuro, virem os escribas assalariados dar sentenças públicas sobre a necessidade de moralizar e dignificar o futebol?

Cambada.

J.Ferreira disse...

Será este homem digno de ser um oficial superior do Exército Português?...

Rui Valente disse...

Hoje em dia, a dignidade já não conta para nada, em nenhuma profissão.

Dinheiro, é a única regra que faz lei...

Anónimo disse...

Sem comentários...

dragao vila pouca disse...

Rui, não bata mais no céguinho, o Sr.Procurador Geral da República, era um herói - quando nomeou a equipa especial e quando mandou os Procuradores recorrerem de todas as decisões dos Tribunais no Apito Dourado -, mas agora todos lhe batem.

- Sr. Dr.Pinto Monteiro não há por aí mais uma história com o Pinto da Costa? Dá sempre jeito, desvia todas as atenções.